Jornalismo Investigativo é Tema de Debate na FACOM

Publicado em: 30-04-2018

A Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia (FACOM | UFBA) realiza em parceria com a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), debate sobre duas técnicas de jornalismo investigativo: a câmera escondida e o uso de dados na apuração. Aberto ao público, o evento acontece no dia 02 de maio no auditório da FACOM e faz parte de uma série promovida pela Abraji para se aproximar do público na região Nordeste.

Alexandre Lyrio (Correio), André Uzêda (TV Bahia) e Pablo Reis (TV Aratu) discutirão o uso de câmera escondida em apurações tanto para TV quanto para jornal. Juan Torres (Correio/Abraji) apresentará as possibilidades de uso de dados para fazer reportagens.

A passagem da Abraji por faculdades e universidades do Nordeste começou em março de 2018, na aula nobre de Jornalismo da Unijorge. No dia 24 de abril foram os estudantes do campus Recife da UFPE que tiveram a oportunidade de conhecer a Associação.

Os palestrantes

Formado pela própria FACOM, Lyrio é repórter do caderno “Mais”, do Correio, e mantém o blog Moqueca de Fatos, no site do jornal. Em 2015, recebeu o Prêmio Tim Lopes de Anistia e Direitos Humanos, pela série de reportagens Tempo Perdido, que retrata histórias de jovens envolvidos com crimes.

Torres, atualmente editor de Inovação no Correio, trabalhou com Lyrio no especial Tempo Perdido. Diretor da Abraji no biênio 2018-2019, é gerente de projetos da Escola de Dados. Teve trabalhos reconhecidos nos prêmios INMA Global Media Awards (2016 e 2017) e Latam Digital Media (2015, 2016 e 2017).

Uzêda atua na TV Bahia e é mestre em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela FACOM-UFBA, onde também fez a graduação. Passou por A Tarde, Folha de S. Paulo, Portal UOL e Lance!

Pablo Reis é gerente de Conteúdo e Inovação da TV Aratu e mantém um blog no portal Aratu Online, em que trata de bastidores da política. Formado na Unijorge, tem passagens pelo Correio, TV Educativa e Reuters. Venceu três prêmios da Associação Baiana de Imprensa.

A Abraji e grandes reportagens com câmera escondida e dados

Quando: 2 de maio, às 9h

Onde: Auditório da FACOM-UFBA (Rua Barão de Jeremoabo, s/n - Ondina - Salvador - BA)

Quanto: Gratuito

Dia do servidor público

Prazo recomendado para entrega do trabalho digital para a banca

Até 03/11/2021 Diretamente para os(as) integrantes da banca, por e-mail, com cópia para o Colegiado (comunica@ufba.br).

Observação: a data indicada é apenas uma recomendação, sendo possível que estudante, orientador(a) e banca combinem entre si uma data alternativa, de acordo com a data efetiva da banca homologada pelo Colegiado. Nesses casos, não é necessário informar ao Colegiado sobre a negociação, bastando enviar o TCC com cópia para o e-mail indicado.

Entrega das cópias dos comprovantes das Atividades Complementares

O quê: Entrega das cópias dos comprovantes das Atividades Complementares
Quando: Até 12 de novembro de 2021
Normas disponíveis emhttps://www.facom.ufba.br/portal2017/arquivo/7/1/normas-e-formularios (ou diretamente em: https://www.facom.ufba.br/portal2017/upload/arquivos/Regulamento%20atividades%20complementares_Aprovado_10_12_18.pdf)

As/os estudantes que não entregarem os comprovantes ou não integralizarem as 300 horas devidas não poderão efetuar a matrícula na disciplina COM118 - TCC no próximo semestre.  As cópias dos documentos devem ser entregues por meio de email enviado para o Colegiado (comunica@ufba.br).

Exemplo de como deve ser o email:
 
Assunto (sem aspas):
“ATIVIDADES COMPLEMENTARES – NOME DA/DO ESTUDANTE COMPLETO”
 
Corpo do email (sem aspas):
“NOME COMPLETO
MATRÍCULA: 202012020
ATIVIDADES:
100 horas de estágio - empresa tal
100 horas de extensão - Produtora Jr
100 horas de pesquisa - iniciação científica sob orientação do/a professor/a Sicrano/a de Tal

Cópias dos comprovantes das atividades complementares nomeadas conforme lista acima e anexadas a este email.”

 

Aniversário da FACOM