Sessenta anos da televisão na Bahia são celebrados em roda de conversa do Em casa com a FACOM

Publicado em: 13-11-2020

Em 19 de novembro de 2020, a televisão na Bahia completará 60 anos de sua implantação, um marco que merece ser relembrado, comemorado e discutido, como forma de reflexão sobre o cenário local e nacional. É com esse objetivo que a Faculdade de Comunicação da UFBA (FACOM │UFBA) promove nesta mesma data, às 18h, a roda de conversa “A TV na Bahia: 60 anos — conhecer a história para refletir sobre as mudanças”. O evento é aberto, gratuito e com transmissão on-line, pelo Zoom (https://facom.social/tvnabahia) e Facebook da Faculdade de Comunicação, com certificação aos participantes da primeira plataforma. 

Comporão o debate os seguintes profissionais da TV e pesquisadores da história da Televisão da brasileira: o jornalista, pesquisador da TV no Brasil e diretor de televisão Gabriel Priolli; o jornalista, escritor e apresentador de TV Pablo Reis; e o jornalista, pesquisador e professor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Sérgio Mattos. A mediação fica por conta do jornalista e professor da FACOM Washington de Souza Filho.

Para Gabriel Priolli, que trabalha e escreve sobre TV desde 1975, o encontro é uma oportunidade de refletir sobre o papel da televisão local. “Algo que me preocupa é que, até agora, já com 70 anos de TV no Brasil, ela ainda é muito pensada e produzida no eixo Rio-São Paulo. O que se entende por TV nacional é uma TV paulista e carioca, sendo que o país é grande, diverso. E não há, ainda, uma história da TV nacional que conte o que aconteceu em todos os lugares do país”, justifica o pesquisador. Também é o que acredita o professor Washington de Souza Filho. “Para mim, essa é uma oportunidade de propor o debate sobre a necessidade de se conhecer a história da televisão nos estados”, acredita.

A atividade é promovida pelo Núcleo de Comunicação e Extensão da FACOM, por meio do projeto "Em Casa com a FACOM". Para mais informações sobre o evento, acesse: www.facom.ufba.br

Conheça abaixo mais sobre os convidados: 

Sérgio Mattos é jornalista, mestre e doutor em comunicação pela Universidade do Texas, Estados Unidos. Atualmente é professor associado da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). É autor de mais de 50 livros e de dezenas de artigos e capítulos de livros. Suas pesquisas concentram-se na História da Mídia, principalmente a televisão, além do tema emblemático da censura aos meios de comunicação.

Pablo Reis é jornalista, escritor e formado pela FACOM há 22 anos. Atualmente é gerente de conteúdo e inovação do Grupo Aratu.  É autor de Clube Bahiano de Tênis: 100 anos de lutas e glórias. Ganhador de nove prêmios de jornalismo, estaduais e nacionais.

Washington José de Souza Filho é jornalista formado pela Universidade Federal da Bahia e professor da Faculdade de Comunicação da instituição. Doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior, com reconhecimento pela UFBA, pesquisador-membro do Grupo de Pesquisa em Jornalismo On-line. Como jornalista, trabalhou em emissoras de televisão, jornais e revistas da Bahia e de outros Estados do País, além da experiência de atuar como consultor de treinamento de jornalismo de televisão em Angola.

Gabriel Priolli é jornalista, diretor de televisão e trabalha desde 1975 com TV, fazendo, produzindo e escrevendo sobre TV, refletindo e ensinando. Iniciou a carreira na TV Cultura de São Paulo, onde foi de repórter a apresentador e diretor responsável pela programação. Foi membro do Conselho de Comunicação Social do Congresso, do Conselho Superior do Cinema e do Conselho Consultivo do Sistema Brasileiro de TV Digital. Atualmente, trabalha com consultoria em comunicação política, televisão e jornalismo.

SERVIÇO

O quê: Roda de conversa “A TV na Bahia: 60 anos — conhecer a história para refletir sobre as mudanças”.
Quando: 19/11/2020, às 18h
Onde: no Zoom (https://facom.social/tvnabahia) com transmissão pelo Facebook da FACOM (obs: para ter direito ao certificado da atividade, acessar o evento pelo Zoom). 

 

Congresso Intercom 2020

A realização do 43º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom 2020) foi confirmada para o ano de 2020. A edição nacional deste ano será realizada de 1º a 10 de dezembro em formato virtual, com o apoio institucional da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Esta é a primeira vez na história do congresso que ele será virtual, decisão tomada diante dos desafios impostos pela pandemia de covid-19 que inviabiliza a reunião presencial de milhares de pessoas.

O evento contará com uma programação composta por mesas-redondas, oficinas, minicursos, apresentações de trabalhos e festa online de premiação. A programação completa pode ser conferida no site da Intercom

Congresso Intercom 2020

A realização do 43º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom 2020) foi confirmada para o ano de 2020. A edição nacional deste ano será realizada de 1º a 10 de dezembro em formato virtual, com o apoio institucional da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Esta é a primeira vez na história do congresso que ele será virtual, decisão tomada diante dos desafios impostos pela pandemia de covid-19 que inviabiliza a reunião presencial de milhares de pessoas.

O evento contará com uma programação composta por mesas-redondas, oficinas, minicursos, apresentações de trabalhos e festa online de premiação. A programação completa pode ser conferida no site da Intercom

Congresso Intercom 2020

A realização do 43º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom 2020) foi confirmada para o ano de 2020. A edição nacional deste ano será realizada de 1º a 10 de dezembro em formato virtual, com o apoio institucional da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Esta é a primeira vez na história do congresso que ele será virtual, decisão tomada diante dos desafios impostos pela pandemia de covid-19 que inviabiliza a reunião presencial de milhares de pessoas.

O evento contará com uma programação composta por mesas-redondas, oficinas, minicursos, apresentações de trabalhos e festa online de premiação. A programação completa pode ser conferida no site da Intercom

Congresso Intercom 2020

A realização do 43º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom 2020) foi confirmada para o ano de 2020. A edição nacional deste ano será realizada de 1º a 10 de dezembro em formato virtual, com o apoio institucional da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Esta é a primeira vez na história do congresso que ele será virtual, decisão tomada diante dos desafios impostos pela pandemia de covid-19 que inviabiliza a reunião presencial de milhares de pessoas.

O evento contará com uma programação composta por mesas-redondas, oficinas, minicursos, apresentações de trabalhos e festa online de premiação. A programação completa pode ser conferida no site da Intercom