Roda de conversa discute as potencialidades e limitações das fontes de dados do IBGE

Publicado em: 28-07-2020

Acontece nesta quarta-feira, 29/07, às 16h, mais uma edição de roda de conversa do projeto Em Casa com a FACOM. O encontro da vez discutirá o Sistema de Informações e Indicadores Culturais 2007-2008, publicação que explora o potencial das pesquisas do IBGE quanto ao setor cultural. Também serão apresentadas atuais fontes de dados de interesse à área cultural, como a pesquisa PNAD-COVID. A roda de conversa acontece ao vivo e pode ser acompanhada pelo Zoom (link: https://facom.social/roda14) e pelo Facebook da FACOM

Leonardo Athias, pesquisador do IBGE e coordenador do projeto de cultura na instituição, conduzirá o debate juntamente com Carlos Paiva, pesquisador do Observatório de Econômica Criativa do Estado da Bahia (OBEC-BA) e membro do Conselho Municipal de Políticas Culturais de Salvador e Carmém Lúcia Castro Lima, professora da UNEB e também pesquisadora do OBEC-BA. A mediação ficará por conta da professora da Faculdade de Comunicação da UFBA e pesquisadora da OBEC-BA, Renata Rocha. 

A publicação SIIC 2007-2018 atualmente encontra-se em fase de planejamento, com reedição prevista para 2021. O Sistema de informações iniciou-se em 2004, com o objetivo de desenvolver uma base consistente e contínua de informações relacionadas ao setor cultural, de modo a fomentar estudos, pesquisas e publicações. Fontes de dados como a pesquisa PNAD-COVID serão apresentadas em complemento à apresentação sobre o SIIC, com destaque para os desafios que a pandemia trouxe ao setor. Pretende-se, com a atividade, aumentar a familiaridade de estudantes, profissionais, gestores e demais interessados com as potencialidades e limitações das fontes do IBGE. 

Conheça um pouco mais sobre os convidados:

Leonardo Athias é doutor em Ciência Política pela Universidade Bordeaux IV (França). É pesquisador do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), atuando na Coordenação de População e Indicadores Sociais desde 2010, com experiência anterior em pesquisa de marketing na área de bens de consumo. Tem se especializado em estatísticas de cultura, economia criativa, governança, estudos de desigualdade social e racial. Também está envolvido nos esforços do IBGE em apoio à implementação da Agenda 2030.

Renata Rocha é professora da Faculdade de Comunicação da UFBA vinculada ao curso de Produção em Comunicação e Cultura. É pesquisadora do Centro de Estudos Multidisciplinares em Cultura (CULT) também da UFBA e do Observatório de Economia Criativa do Estado da Bahia (OBEC-BA). Membro da comissão editorial da Coleção CULT da Editora da UFBA (Edufba) e editora do periódico Políticas Culturais em Revista. Profissionalmente, atuou como gestora e produtora cultural, assessora de comunicação, educadora e consultora em instituições públicas e privadas no Estado da Bahia. Possui artigos publicados em revistas acadêmicas e capítulos em livros no Brasil e exterior.

Carlos Paiva é especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental do Estado da Bahia, assessor do Teatro Castro Alves, titular do Conselho Municipal de Políticas Culturais de Salvador e pesquisador do OBEC-BA (Observatório de Economia Criativa do Estado da Bahia). Mestre em Administração Pública (HKS) e Cultura e Sociedade (UFBA). 

Carmen Lúcia Castro Lima possui graduação e mestrado em Economia (1993 e 2000) e doutorado em Cultura e Sociedade (2009 — linha Cultura e Desenvolvimento), todos pela UFBA. Foi diretora do Fundo de Cultura do Estado da Bahia entre 2007 e 2009, da Secretaria de Planejamento do Estado da Bahia entre 2009 e 2013 e de Economia da Cultura da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia entre 2013 e 2015. Carmen também é professora Adjunta da Universidade do Estado da Bahia e pesquisadora do grupo de pesquisa Comunidades Virtuais da UNEB e do Observatório de Economia Criativa da UFBA (OBEC-BA). Atua, principalmente, nos seguintes Economia da Cultura, Economia Criativa, Arranjos Produtivos Locais, Redes Sociais em Cultura, Jogos digitais e Setor Audiovisual.

SERVIÇO

O quê: “Roda de conversa Potencialidades e limitações das fontes de dados do IBGE para a cultura: o Sistema de Informações e Indicadores Culturais (SIIC) 2007- 2018”
Quando: dia 29/07/2020, às 16h
Onde: pelo Zoom e Facebook da FACOM

Roda de conversa - Em Casa com a FACOM

Tema: Brincando de Deus? Liberdade Criativa x Segurança Jurídica: aspectos legais do audiovisual e o que o roteirista tem a ver com isso.

Convidados: Verônica Aquino (assessora jurídica do Usina do Drama 2020) e Amanda Aoud (roteirista tutora do Usina do Drama 2020)

Dia: 14/08/2020
Horário: 16h
Onde: pelo Zoom e Facebook da FACOM

 

 

 

Início das aulas do semestre suplementar na UFBA

Início:  08.09.2020
Término:18.12.2020 

Mais informações aqui

Último dia de aulas do semestre suplementar

Início:  08.09.2020
Término:18.12.2020 

Mais informações aqui