Trabalhos de estudantes da FACOM são reconhecidose edição regional da maior premiação em Comunicação

Publicado em: 27-05-2022

O Expocom — Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação — possui representantes das duas habilitações da FACOM entre os trabalhos premiados na edição regional do prêmio em 2022. As pesquisas de Gustavo Brandão, aluno de Produção em Comunicação e Cultura, e Gabriel Amorim, aluno de Jornalismo, foram premiadas nas categorias “Roteiro de filme de ficção" e “Produção laboratorial em jornalismo digital”, respectivamente, durante a edição nordeste do Congresso Intercom. A premiação aconteceu entre os dias 18 e 20 de maio, em Salvador, na Universidade Católica. Agora, a produção dos estudantes segue para a etapa nacional da premiação, a ser realizada em setembro, na Paraíba.

Para ambos estudantes, a realização dos trabalhos está ligada a motivações e experiências pessoais que extrapolam os muros da academia. Ligado ao teatro amador desde pequeno, Gabriel Amorim transformou o seu produto, a reportagem multimídia “O Espetáculo não pode parar”, no elo que une duas paixões — o palco e o jornalismo. A reportagem é fruto de seu Trabalho de Conclusão de Curso, orientado pela professora Lívia Vieira, e expõe o cenário da classe teatral baiana durante o momento de pandemia. Em seis partes, entre textos, vídeos e áudios, a reportagem de Gabriel é um espaço de memória e reflexão sobre esse capítulo do teatro baiano, seus desafios e bastidores. 

Gustavo Brandão também resgatou em suas referências pessoais o caminho para a construção do Trabalho de Conclusão de curso. A oralidade da mãe e da avó foram propulsoras para a criação do roteiro de “Murudum”, trama que se passa na região da Chapada Diamantina. “A ideia de fazer essa história foi para que ela se tornasse uma homenagem ao local que eu sou oriundo”, explica Gustavo. Com a orientação do professor Fábio Sadao, Gustavo desafia em seu trabalho a temporalidade que pregam os manuais de roteiro, rompendo com essas normas e redigindo um roteiro baseado na não-linearidade. 

Apesar dos desafios ligados à elaboração de um TCC de forma virtual, durante a pandemia, os estudantes destacam o auxílio dos docentes e como facilitadores do processo. “As entrevistas foram todas feitas remotamente e a disciplina de Elaboração de Projetos, com a professora Carmem Jacob,  foi muito importante para entender como esse trabalho poderia acontecer diante das circunstância pandêmicas”, explicou Gabriel Amorim. Foi nesta mesma disciplina que Gustavo extinguiu o dilema entre fazer um produto ou uma pesquisa que lhe ajudasse a seguir na área acadêmica. “A professora me aconselhou a seguir naquilo que mais me movimentava, mais pulsava”, revelou Gustavo. 

Experiência

Com um histórico longo de premiações no Expocom,essa não é a primeira vez que um trabalho da Faculdade de Comunicação foi destaque como um dos melhores produtos e pesquisas desenvolvidos por graduandos. Na edição passada, Caroline Magalhães alcançou o reconhecimento máximo na categoria produção jornalística para mídias sociais, vencendo o Expocom Nacional com o trabalho “Primeiro Voto — Cobertura jornalística das eleições em 2020”. O trabalho de Caroline foi citado por Gabriel como uma das inspirações para a inscrição. “Soube que isso existia e já pensava que talvez meu trabalho pudesse ser reconhecido também”, relatou o estudante. Além do Expocom Nacional, em 2021 os trabalhos da aluna Rayllana Cardoso (com Livro-reportagem Renascer) e do aluno Ciro Sacramento (com a Revista Distropical) foram premiados na edição regional do prêmio. 

Tanto Gabriel quanto Gustavo cursam agora o mestrado acadêmico e reconhecem as oportunidades que experiências como o Expocom revelam aos estudantes da graduação. “A premiação abre portas”, revela Gabriel. “Só o fato de que eu vou representar a UFBA em um congresso de alcance nacional e que meu nome, enquanto jornalista, será lido por pessoas do país inteiro é uma abertura de portas gigante”, afirma.

Gustavo concorda e incentiva estudantes da graduação a vivenciarem a experiência. “É interessante o intercâmbio que o Intercom proporciona entre cursos diferentes da graduação. Além disso, é possível receber um aval dos “pares” durante o processo. Hoje penso em inscrever o roteiro para editais, laboratórios e outros tipos de concursos. Além da possibilidade de rodar esse filme, que é uma realização pessoal muito grande”, descreve. 

  •  

Aniversário da Universidade Federal da Bahia

Aniversário da Universidade Federal da Bahia

Período de apresentação pública de TCC

O período de apresentação pública dos TCCs ampliou e poderá acontecer entre 16 de junho e 05 de julho de 2022, nas modalidades presencial, videoconferência ou híbrida, como especificado no formulário.

 

Último dia de aulas

Último dia de aulas do semestre 2022.1

Aniversário da FACOM