Índice

Introdução
O Jornalismo na
Era Digital
O Jornal como Metáfora
Produzindo uma Publicação Digital
O Planejamento
O Design
O Layout
Hipertexto
Multimídia
Animações
Interatividade
O E-mail
Notícias
Personalizadas
Notícias Personalizadas II
A Estrutura
Comercial
Classificados Online
Micropagamentos
O Fim do Jornal Impresso?

 

 

 

 

 

 

 

 

 


manta@ufba.br
Mande um e-mail !
Design by André Manta
Última atualização:
Outubro de 1997

O Planejamento

Antes de começar o trabalho de produção do site, a primeira coisa que o publisher dever fazer é o seu planejamento. É preciso ter uma idéia geral ou esboço de como ele irá funcionar: de que forma deve ser estruturado, que seções e serviços serão oferecidos aos leitores, como os documentos serão organizados e ligados entre si, como será a página de abertura, etc.

Dentro deste planejamento, fazer um storyboard pode ser de grande ajuda, principalmente aos publishers que estão começando a se aventurar pelo terreno da editoração online. O storyboard se aplica muito bem à produção de páginas na Web, funcionando como um roteiro para o desenvolvimento do site. Nos conjuntos muito grandes de documentos, essa representação permite que várias pessoas trabalhem separadamente em páginas diferentes, otimizando a produção e economizando tempo.

Um Storyboard bem organizado facilita o trabalho de planejamento do Web site

Além disso, é importante acessar as principais publicações do Brasil e do exterior na Web e observar uma série de fatores como a apresentação gráfica, o conteúdo noticioso, a organização do site, a utilização dos recursos de hipertexto e multimídia, os serviços oferecidos, o material exclusivo para a mídia online e a capacidade de interação do jornal ou revista com o seu público. A análise dessas publicações fará com que o publisher fique a par das principais tendências no jornalismo digital e identifique que elementos poderá incorporar ao seu próprio Web site.

Depois de concluída a produção da publicação digital, o próximo passo é colocá-la online. Nos empreendimentos de maior porte, os responsáveis pelo projeto registram um domínio ¹ próprio no Comitê Gestor Nacional (http://www.cg.org.br) e investem na compra de equipamentos de informática e servidores Internet, onde os dados são armazenados e acessados pelos internautas. No caso de publicações mais modestas, o publisher pode alojar o seu Web site em um dos mais de quatrocentos provedores de acesso brasileiros que alugam espaço físico em seus computadores para disponibilização de home pages.


¹ Domínio é o nome que identifica os computadores na Internet. Todas as máquinas ligadas à rede possuem um endereço IP (protocolo de transferência de dados pela Internet) representado por números, como, por exemplo, 192.188.11.33, que designa o servidor Canudos da Universidade Federal da Bahia. Com o crescimento desordenado da rede, foi criado o DNS (Domain Name System), um mecanismo que traduz os endereços IP para nomes de máquinas e vice-versa. Assim, o endereço IP da UFBa corresponde ao domínio www.ufba.br.


Guia do Jornalismo | Bibliografia Online | Jornais na Web | Links Úteis